Home / Destaques / Servidores municipais cobram negociação da Operação Carnaval 2017

Servidores municipais cobram negociação da Operação Carnaval 2017

Os servidores públicos municipais de Salvador aguardam definições sobre o trabalho na Operação Carnaval 2017. A expectativa da categoria é de que a Prefeitura realize incrementos financeiros na jornada especial durante a folia momesca. Além disso, os trabalhadores esperam que todas as demandas possam ser supridas para que sejam prestados bons serviços aos baianos e turistas.

Segundo a diretoria do Sindicato dos Servidores da Prefeitura de Salvador (Sindseps), a gestão municipal ainda não se posicionou acerca da Operação Carnaval 2017. De acordo com o diretor Helivaldo Alcântara, nenhum órgão envolvido na operação apresentou qualquer esboço de como se dará a participação dos trabalhadores e a sua consequente valorização pela jornada especial. “Passados vinte seis dias da nova gestão, ainda não fomos chamados para dialogar as questões inerentes aos servidores municipais no Carnaval 2017. Sabemos de nosso papel necessário na realização da maior festa de rua do planeta e precisamos ser enxergados pelo prefeito de acordo com essa importância. Não dá para aceitar o argumento dos gestores que dizem não saber como ficará a condição de trabalho para a categoria”, disse Alcântara.

A preocupação do representante dos servidores municipais é de que exista uma estratégia de adiar a discussão sobre a valorização do trabalho na Operação Carnaval 2017. “Já solicitamos reuniões com a Semge [Secretaria Municipal de Gestão] e ainda não obtivemos retorno de um possível agendamento. Propomos uma negociação antecipada para que todas as possibilidades possam ser avaliadas. Não podemos aceitar imposições ou prejuízos em uma jornada de trabalho especial, onde deixamos de participar da festa para trabalhar antes, durante e depois do evento. Estamos fazendo nosso papel de cobrar a continuação da Mesa Permanente de Negociações para equacionar essa questão, além do cumprimento dos planos de cargos [Planão e Saúde] que não foram aplicados pela gestão municipal”, concluiu.

Além disso, verifique

FMLF: Sindseps vence processo judicial e servidores já podem receber valores

Servidores municipais de Salvador lotados na Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF) obtiveram vitória judicial em ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *